São Paulo
 
 
Web Diário
         
 
 
 
         
       
   
        Cultura | Lazer  
   
         
 
 
Siga-nos no Twiter
| |
 
 
Assista nosso Canal
| |
 
 
Documentário “Esse nosso matulão” abre Festival de Cinema Latino-Americano

Centenas de pessoas estiveram presentes no Memorial da América Latina, na Barra Funda, para conferir o primeiro dia do Festival de Cinema Latino-Americano nesta segunda-feira, dia 11 de julho. O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, que havia confirmado presença, não compareceu.

O Festival apresenta ao público 110 produções, e é uma boa oportunidade para o público poder conhecer filmes com pouca oportunidade de exibição no mercado, porém, recheados de conteúdos. O documentário “Esse nosso matulão”, de Philippe Barcinski, que abriu o Festival nesta segunda, é um dos exemplos.

“Esse nosso matulão” parte de uma pergunta peculiar: É possível definir o povo brasileiro a partir de seu gestual, do uso de seu corpo? O diretor Barcinski convida eminentes brasileiros que fazem do movimento sua arte - Antonio Nóbrega, Carlinhos de Jesus, Ângelo Madureira e Ana Catarina Vieira - para investigar suas trajetórias pessoais e, por meio delas, as origens do samba, do frevo, do maracatu e de outras manifestações da cultura popular brasileira.

“O documentário me ensinou muito, ele mostra como o brasileiro é musical, como a dança está ligada as nossas raízes, como os nossos antepassados (índios, negros) e a religiosidade”, comentou Cândida Araújo, após acompanhar o documentário.

O evento presta homenagem ao escritor colombiano Gabriel García Márquez, ganhador do prêmio Nobel de Literatura, e o diretor e roteirista baiano Orlando Senna, que no governo Lula foi o Secretário do Audiovisual do Ministério da Cultura. O festival também vai apresentar uma retrospectiva do Cinema Novo Argentino, com 11 produções, entre 1995 e 2008, incluindo A Mulher sem Cabeça, filme inédito de Lucrecia Martel.

Outra novidade da programação deste ano, elaborada pela Associação do Audiovisual Paulista, é a mostra Soy Loco por ti, América!, dedicada à temática da diversidade sexual, em que se destaca o filme cubano Morango & Chocolate. Na lista de Contemporâneos, filmes recentes e inéditos no Brasil.

Memorial da América Latina
Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664 - Metrô Barra Funda - Oeste. Telefone: (11) 3823-4600.
Para mais detalhes,
acesse.


Carlinho de Jesus no Memorial da América Latina
Divulgação


 
         
         
  Expediente | Fale Conosco | Anuncie Conosco  
         
  © 2010 Propriedade e Copyright AZOL PRESS