São Paulo
 
 
Web Diário
               
 
               
Capa | Últimas Notícias | Notícias da Lapa | Notícias da Zona Oeste
   
Serviços | Polícia | Comércio | Cultura e Lazer | Educação e Saúde | Esportes | Sociedade | Entidades | Artigos | Opinião
   
        Educação | Saúde  
               
 
Siga-nos no Twiter
| |
 
 
Assista nosso Canal
| |
 
 
Diet ou Light, qual a diferença?

Pesquisadora constata que diabéticos desconhecem a diferença entre os produtos


Diet ou Light? Muitos ainda não sabem a diferença entre tais produtos. O diet, segundo a (ANVISA) Agência Nacional de Vigilância Sanitária, não pode ter nutrientes como carboidratos, gorduras, proteínas e sódios. Esses produtos são recomendados para dietas com restrições para estes nutrientes, como por exemplo, a diabete.

Já o light tem a missão de baixar calorias. O alimento light pode até manter os nutrientes (como açúcar, gorduras), mas reduz pelo menos 25% de calorias ou nutriente comparado ao produto convencional. O light não é indicado para pessoas que sofrem com diabetes, colesterol alto, entre outras. Porém, ao contrário do diet que, mesmo com restrições ao açúcar e as gorduras, podem não baixar a caloria, o light é o mais recomendado para as dietas de perda de peso.


A nutricionista Paula Barbosa de Oliveira, em sua pesquisa de mestrado na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (Universidade de São Paulo), atenta que o consumo excessivo desses produtos pode gerar prejuízos para a saúde. “Existe um limite diário recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde).”
Paula constatou que a maioria dos pacientes com diabetes mellitus,a do tipo 2, desconhece a diferença entre produtos diet e light, apesar de os consumirem com frequência. De acordo com a pesquisa, essa população não tem o hábito de ler atentamente o rótulo do produto.


E MAIS:

 
   
                        Expediente | Fale Conosco | Anuncie Conosco               © 2010 Propriedade e Copyright AZOL PRESS