São Paulo
 
 
Web Diário
               
 
               
Capa | Últimas Notícias | Notícias da Lapa | Notícias da Zona Oeste
   
Serviços | Polícia | Comércio | Cultura e Lazer | Educação e Saúde | Esportes | Sociedade | Entidades | Artigos | Opinião
   
    Emprego | Cursos | Direito | Trânsito | Classificados | Informática | Imóvel | Links  
               
 
Siga-nos no Twiter
| |
 
 
Assista nosso Canal
| |
 
 
Especialista revela como garantir segurança no condomínio

Em busca paz e segurança, milhões de pessoas se refugiam em condomínios nas grandes cidades, principalmente em São Paulo, que possui mais da metade de todos os condomínios espalhados pelo Brasil. Entre os 60 mil condomínios espalhados pelo Brasil, 32 mil estão na capital paulista, segundo a Secovi-SP (Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais de São Paulo), e geram 300 mil empregos diretos e mais de um milhão de empregos indiretos –como fornecedores e empresas de serviços especializada.

Portanto, a ousadia dos criminosos mostrou que não há limite para romper qualquer barreira e a ameaçar a segurança dos moradores, mesmo sob forte esquema de segurança.

Atento ao assunto, o Diário da Lapa conversou com o consultor de segurança José Elias de Godoy , da Suat, uma empresa de assessoria e treinamento de segurança. Confira as principais medidas para evitar qualquer ameaça. José Elias é autor dos livros (veja perfil ao lado) Manual de Segurança em Condomínios, editora Igal, e Técnicas de Segurança em Condomínios, editora Senac (veja perfil ao lado).

Quais cuidados os condôminos devem ter?
Os moradores são os maiores interessados pela segurança e, portanto, são os que devem estar mais engajados e comprometidos pela proteção condominial. Não basta pagar a taxa do condomínio, tem que ajudar nos procedimentos e cumprir as normas estipuladas.

Como anda segurança nos condomínios hoje?
Neste ano de 2010 comparando com o ano anterior percebemos uma queda nos assaltos a condomínios, porém a criminalidade atua de forma sazonal e migratória.

Como deve ser a segurança em um condomínio?
Deve ser comparada a um triângulo, ou seja, é dividida em três partes: Segurança física das instalações; investimento em funcionários e conscientização dos condôminos.

Ao entrar no prédio com um acompanhante no carro, como deveria agir?
O correto é que o morador se identifique e apresente seu passageiro ao porteiro, demonstrando que não há risco algum e que não está em perigo (sendo vítima de um seqüestrador, por exemplo). Caso contrário, deve usar dos controles com acionamento de pânico a fim de demonstrar a coação.

Manter ou não, as portas do apartamento ou casa fechadas?
Apesar de estarem morando em condomínio, as pessoas se confundem e acham que estão no paraíso, o que é um pensamento errado. O correto é manter sempre as portas fechadas e trancadas, evitando, com isso, surpresas desagradáveis.

Qual deve ser perfil do porteiro?
O porteiro é um controlador de acesso, e não um segurança. Para tanto, ele deve ser contratado para exercer essa função e os principais são o treinamento e a qualificação profissional dele, que deve ser investido pelo próprio condomínio. O porteiro deve ser uma pessoa idônea, que saiba, o mínimo, em informática, com grau de escolaridade compatível com a necessidade do condomínio e que tenha bom controle emocional.

E para zelador e faxineiro?
O zelador é o que gerencia as atividades operacionais do condomínio. É o elo de ligação entre os demais funcionários e os moradores.Para tanto deve ser idôneo, ter conhecimento técnico em manutenção e de liderança, além de ser constantemente atualizado nas missões de sua função. O faxineiro cuida da limpeza e conservação e, assim como o zelador, o porteiro deve ser idôneo, e também ser treinado para sua função de auxiliar de serviços gerais.

Como deve ser os cuidados com crianças no condomínio? Já houve rapto de crianças em condomínio?
Com crianças deve-se ter um cuidado especial, principalmente nas portarias, onde os porteiros devem ser orientados para nunca deixar as crianças saírem do prédio sozinhas ou acompanhadas de estranhos, sem autorização expressa dos pais. Já tivemos notícias de crianças que foram raptadas no condomínio por saírem com estranhos sem serem percebidas.

Quando se desconfia de um morador, qual o procedimento?
Deve-se alertar o síndico e administradora para que verifiquem melhores informações dos moradores. Em situações mais graves deve-se acionar a polícia para averiguação.

Serviço de entrega no condomínio deve entrar no prédio ou espera na portaria?
O correto é que as entregas sejam retiradas na portaria pelo morador e que se tenha um passador de encomendas específico para esta situação.

Os profissionais que reformam apartamentos, como devem ser identificados?
Deve-se ter um cadastro dessas pessoas, além da autorização escrita do morador para que esse colaborador possa entrar no condomínio. As normas do condomínio devem ser rígidas quanto a liberação de entrada e circulação de todos os prestadores de serviço no interior do condomínio.






 
 

  PERFIL:

José Elias de Godoy
elias@suat.com.br

Nascido e criado na Lapa

FORMAÇÃO ACADÊMICA


- Bacharel em Direito pela Universidade Bandeirante do Brasil – UNIBAN;

- Pós-Graduado em Planejamento Empresarial pela Universidade São Judas Tadeu - USJT;

- Curso Superior em Gestão de Segurança Empresarial e Patrimonial pela Universidade Anhembi Morumbi – UAM.

EXPERIÊNCIA ACADÊMICA

- Instrutor de curso do SENAC/SP nas áreas de Segurança Patrimonial e Condominial;

- Docente da Universidade SECOVI;

- Palestrante convidado de vários órgãos e instituições ligadas a área de condomínios (SECOVI, EXPOSINDICO, AABIC, FENASEG entre outros).










 
   
                        Expediente | Fale Conosco | Anuncie Conosco               © 2010 Propriedade e Copyright AZOL PRESS