São Paulo
 
 
Web Diário
               
 
               
Capa | Últimas Notícias | Notícias da Lapa | Notícias da Zona Oeste
   
Serviços | Polícia | Comércio | Cultura e Lazer | Educação e Saúde | Esportes | Sociedade | Entidades | Artigos | Opinião
   
    Emprego | Cursos | Direito | Trânsito | Classificados | Informática | Imóvel | Links  
               
 
Siga-nos no Twiter
| |
 
 
Assista nosso Canal
| |
 
 
Transferir multa pode dar cadeia. Habilitação suspensa também

Motorista fique atento e, ao tomar multa, não caía na besteira de tentar transferir a outro motorista. O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo, o Detran-SP, está atento e investigando CNH (Carteira Nacional de Habilitação) com mais de 50 pontos.

A prática é ilegal, inclusive a transferência da multa entre familiares, e pode dar cadeia por até cinco anos. O despachante envolvido pode perder a licença.

Estar com a habilitação suspensa e, mesmo assim, seguir dirigindo pode render um ano de cadeia ao dono da CNH, e o carro será apreendido. Além disso, o motorista ficará dois anos impedido de dirigir e terá que tirar nova CNH.

Apesar de ser considerado crime, o serviço fraudulento é oferecido até em anúncio de jornal. As empresas cobram até R$ 2 mil para zerar os pontos. É preciso ficar atento, alguns motoristas têm sido vítimas dessa transferência de multa. O dentista Eduardo Gurgel Filho, por exemplo, descobriu que tinha 12 pontos na carteira de habilitação e, para espanto dele, as multas vieram de uma moto que ele jamais possuiu. O verdadeiro dono das multas admitiu ter contratado o serviço ilegal para retirada dos pontos.

 
Viaduto Pompeia em horário de pico
Carlos Petrocilo
E mais:    

West Plaza e Bourbon: Opções de compra, sim. Concorrência, não!
Região comemora com shoppings lado a lado
Frota de automóveis está mais jovem no Brasil
Aluguel sobe mais de 11% em um ano
Internet sem fio? Na Lapa e região têm, e de monte
Medidas para economizar água e dinheiro

   
   
                        Expediente | Fale Conosco | Anuncie Conosco               © 2010 Propriedade e Copyright AZOL PRESS